DSpace About DSpace Software
 

USCS - Repositório Digital >
Programa de Pós-Graduação em Administração - PPGA >
Dissertações e Teses - Pós-Graduação em Administração >

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorio.uscs.edu.br/handle/123456789/1224

Title: Antecedentes e consequentes da desconfiança nos serviços médicos: Um Estudo em Passo Fundo (RS)
Authors: Wahl, SuziI Darli Zanchett
Prearo, Leandro Campi (Orientador)
Keywords: Desconfiança. Antecedentes da Desconfiança. Consequentes da Desconfiaça. Serviços Médicos.
Issue Date: 17-Dec-2018
Abstract: O construto desconfiança tem sido pouco estudado, pois a maioria dos autores a conceituam a partir de perspectivas negativas da confiança, assim como seus antecedentes e consequentes, gerando dificuldades no entendimento tanto da construção como da redução da confiança. Em relação aos serviços médicos o crescimento da desconfiança tem consequências potencialmente graves e negativas para muitos aspectos do cuidado médico e para seus sistemas. Diante disso, essa tese objetiva identificar os antecedentes e os consequentes da desconfiança com os serviços médicos, enquanto elemento adicional de gestão do desempenho das organizações de saúde. Para realização dessa pesquisa, usou-se o método misto, dividindo o estudo em duas fases: a primeira fase de cunho exploratório-qualitativo, a qual buscou-se identificar os antecedentes e consequentes da desconfiança nos serviços médicos, através de dois grupos focais, objetivando desenvolver um instrumento que mensure essa desconfiança e a segunda fase descritiva-quantitativa, que por meio de uma amostra de probabilística de 391 respondentes e usando a modelagem de equações estruturais (PLS), examinou-se o efeito de cada antecedente e consequente no comportamento dos clientes em relação ao serviço médico. Foram identificados seis antecedentes: comunicação, qualificação, empatia, infraestrutura, idade, competência, sendo que o construto qualificação não foi estatisticamente suportado. Considerando as moderações realizadas por variáveis socioeconômicas, a variável idade do entrevistado (45 a 59 anos) apresentou o maior coeficiente de explicação (72,8%), sugerindo maior eficiência do modelo nesse grupo. De modo geral, os resultados sugerem uma adequada capacidade explicativa (0,475) entre os antecedentes e a desconfiança e entre a desconfiança e os consequentes pesquisados (0,651).
Description: Tese apresentada ao Programa de Pós-Graduação em Administração da Universidade Municipal de São Caetano do Sul como um dos requisito para a obtenção do título de Doutor (a) em Administração. Área de concentração: Gestão Organizacional
URI: http://repositorio.uscs.edu.br/handle/123456789/1224
Appears in Collections:Dissertações e Teses - Pós-Graduação em Administração

Files in This Item:

File Description SizeFormat
TESE - SUZI DARLI ZANCHETT WAHL.pdf2,11 MBAdobe PDF???org.dspace.app.webui.jsptag.ItemTag.underEmbargo??? View/Open

Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.

 

Os documentos disponíveis no Repositório Digital da USCS são de propriedade e responsabilidade de seus autores, conforme a legislação que rege o direito autoral no país (Lei nº 9.610, de 19.02.98). Toda a cautela tem sido tomada no sentido de não violar o direito autoral. Entretanto, caso seja identificado algum arquivo que esteja violando a legislação vigente, informe à gerência do Repositório Institucional, a fim de que a situação seja imediatamente regularizada.

Valid XHTML 1.0! DSpace Software Copyright © 2002-2008  The DSpace Foundation - Feedback